domingo, maio 21, 2006

Imaginarius

Ontem fui ao imaginarius, festival internacional de teatro de rua de Santa Maria da Feira.

Em relação aos anos anteriores deixou muito a desejar. Mesmo assim tive direito a brincar com um paninho de trapos que se transformava num panão do tamanho do mundo. Uma teia que por mais que se puxasse ela estendia e alastrava. Um farrapo que de pronto envolvia toda a multidão. Brinquei de tal forma que na roupa e no corpo ainda encontro fragmentos de teia. Só me libertei totalmente no banho.

0 Comments:

Enviar um comentário

backlinks:

Criar uma hiperligação

<< Home