segunda-feira, abril 30, 2007

Resultados da Auditoria à CMA

Finalmente hoje foram conhecidos os resultados da auditoria privada (custou 150 mil euros, quando ao mesmo tempo decorria uma gratuita do IGF) que tinha como principal objectivo apurar objectivamente a dívida da autarquia. O consenso em torno da dívida permitiria ultrapassar esta questão (mas não esquecer as responsabilidades) omnipresente no discurso do executivo e começar a planear e discutir a actividade presente e futura. Escrita esta introdução, eis os resultados da auditoria:

PSD e PP: A dívida é de € 250 milhões.
PS: A dívida é de € 168 milhões

(nota: os restantes partidos e cidadãos ainda não tiveram acesso aos resultados da auditoria)

Etiquetas: ,

4 Comments:

Blogger JMO said...

Caro Nelson Peralta,

Às 18 horas de segunda-feira, já todos os cidadãos de Aveiro tinham acesso, desde www.cm-aveiro.pt na noticia que esta em destaque com a questão da auditoria e na zona Órgãos Autárquicos ---> Câmara Municipal --> Auditoria a toda a documentação.
E às 21 horas, sei que uma versão em papel foi dada pela Mesa da AM.
Cumprimentos

quarta-feira, maio 02, 2007 6:07:00 da tarde  
Blogger Nelson Peralta said...

Eu não faço as criticas em letra miuda! Apenas estava a explanar o porquê de as restantes forças políticas ainda não terem ainda naquele momento manifestado a sua posição.

Sabia que estavam no site, mas desconhecia que tão cedo. Sabia que às 21h (ou seja à altura do post) estava a ser distribuido aos deputados municipais).

Mas já que se fala nisso, não terão os dois partidos da maioria sonegado a existência do relatório algumas semanas? A programação com esta e outras questões seguirá dentro de momentos.

quarta-feira, maio 02, 2007 8:05:00 da tarde  
Blogger JMO said...

Caro Nelson,

Já respondi a esse assunto no blog do Raul Martins. O documento tem a data do ultimo dia de auditoria no terreno, como foi referido aos vereadores pela directora da auditoria...

quinta-feira, maio 03, 2007 10:25:00 da tarde  
Blogger Nelson Peralta said...

Acredito. Não estando presente na reunião da Vereação, nada tendo sido noticiado na imprensa, nem comunicado na Assembleia Municipal não tinha acesso a essa informação.

A auditoria não é uma arma de arremesso político, e para mais tendo sido por iniciativa da AM, politicamente seria ilegítimo que o documento fosse retido pelos partidos da maioria, valendo-se da detenção de pelouros para tal.

Contudo a programação ainda não acaba aqui, até porque entendo que a análise do executivo e do partido responsável pelo buraco é enviezada, dedicada a minudências técnicas, e não vai ao ponto central da questão política.

E isto não estar em Excel (ou melhor Open Office Calc) é uma verdadeira chatice!!

quinta-feira, maio 03, 2007 10:56:00 da tarde  

Enviar um comentário

backlinks:

Criar uma hiperligação

<< Home