quarta-feira, abril 29, 2009

Eleger um presidente como quem vende sabonetes, vender sabonetes como quem elege um presidente



O tempo de antena já era mau ao envolver crianças num misto de propaganda política com anúncio a um produto de consumo. Contudo, e como em casos anteriores, é difícil perceber onde acaba o Partido Socialista e começa o Estado. O Estado é o Partido, o Partido é o Estado. Imagens recolhidas em nome do Ministério da Educação eram afinal para o tempo de antena do PS.

Sócrates, entre acusar mais uma campanha negra e pedir desculpa optou pela segunda, mas parece que quem utilizou o Estado em nome do Partido não será responsabilidade e muito menos demitido.

Etiquetas: ,

1 Comments:

Blogger Fernando said...

O Agrupamento que mostre as autorizações, por escrito, que os pais assinaram...

quinta-feira, abril 30, 2009 2:04:00 da manhã  

Enviar um comentário

backlinks:

Criar uma hiperligação

<< Home