quinta-feira, maio 15, 2008

Está quase tudo dito

«esta notícia da Terra Nova: José Chachide diz que a Câmara propôs ao Beira-Mar dar-lhe um terreno em vez de dinheiro, mas como o Beira-Mar não queria o terreno arranjou um amigo construtor civil que o comprou, e que havia um acordo verbal para que parte da verba envolvida no negócio fosse parar aos cofres do clube. Não sei o que é mais triste: a negociata em si ou alguém dizer isto num órgão de comunicação com todo o à vontade do mundo, como se fosse normal.» Ivar Corceiro no Não Compreendo as Mulheres [sublinhado meu]

E só não está tudo dito porque o Ministério Público também deverá ter uma palavra a dizer.

Etiquetas: ,

4 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Já agora investiguem se não negociatas, passeatas e similares entre a Câmara e outros clubes.

quinta-feira, maio 15, 2008 4:57:00 da tarde  
Blogger JMO said...

Não houve negociata alguma, Nelson. O terreno referido foi vendido em HASTA PÚBLICA e adquirido por uma empresa. Ponto final.

quinta-feira, maio 15, 2008 5:15:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

E clubes privados sem eleições por quem priviligia democracia participativa?

quinta-feira, maio 15, 2008 5:23:00 da tarde  
Blogger bagaco amarelo said...

lol, jmo. tens piada. a sério que tens... :)

quinta-feira, maio 15, 2008 7:14:00 da tarde  

Enviar um comentário

backlinks:

Criar uma hiperligação

<< Home